Recorde de inscritos no Surf Talentos

12495991_1453696101322801_5539876183324112856_o 13653249_1453701954655549_3504280143939720003_o 13662073_1453702514655493_4084808527436917125_o 13668925_1453698211322590_7354391764608827709_o 13669526_1453700784655666_6776365297079007853_o 13680093_1453701857988892_8085529008650092374_o 13691028_1453701921322219_7274723540437324332_o 13692983_1453698237989254_6690754794096766601_o 13693023_1453698187989259_7635959370316923122_o 13708438_1453700704655674_8029723187256486091_o 13717398_1453700394655705_4407492012879941059_o 13723936_1453702437988834_359117694957912810_o 13723991_1453696907989387_7578840346407231246_o 13731079_1453702404655504_6376016910734193823_o 13735549_1453696837989394_5528677669836192266_o 13735549_1453700387989039_8406338839866019066_o 13735769_1453700661322345_1521770675061856561_o 13737511_1453700511322360_7710227765918424504_o 13737597_1453696877989390_3125633048927336471_o 13737690_1453698274655917_1513991273380202250_o 13765748_1453702577988820_4778987733067547028_o
São Pedro colaborou e o fim de semana foi alucinante, com muito sol e altas ondas durante os dois dias de competições, na preservada Praia da Ferrugem, em Garopaba, onde foi o palco da quarta etapa do Circuito Surf Talentos Oceano 2016 apresentado pela Mini Kalzone. O campeonato teve recorde de inscritos e contou com a participação de 140 surfistas, não só de Santa Catarina, mais também do Paraná, Rio Grande do Sul e da Argentina, confirmando assim o grande sucesso desta competição que busca incentivar a formação de novos talentos, através de um novo formato, mais competitivo e direcionado as categorias de base.

A final da categoria Mirim foi uma das baterias mais disputadas desta quarta etapa do Circuito Surf Talentos Oceano. A briga foi onda a onda, entre os quatro finalistas, e a bateria foi decidida só nos últimos minutos, quando Wallace Vasco de Florianópolis achou sua melhor onda, e somando 14,65 pontos no seu total garantiu o topo do pódio, deixando Lucas Vicente, também de Floripa, na segunda colocação. Em terceiro ficou Guilherme Marques e na quarta colocação Gustavo Borges. Wallace estava imbatível e também garantiu a vitória na categoria Iniciantes, mostrando estar numa ótima fase.

A grande final da categoria Junior não foi diferente, disputas acirradas, e muitas manobras, proporcionaram um verdadeiro show de surfe dessa novíssima geração do surfe catarinense, nas perfeitas ondas da Praia da Ferrugem. O grande campeão Junior foi o surfista Lucas Vicente, que achou as melhores e surfou muito bem para garantir o lugar mais alto do pódio.

Na categoria Infantil o surfista Léo Casal, de Florianópolis, levou a melhor na grande final, e com um surfe bem alinhado garantiu a primeira colocação nesta etapa da Praia da Ferrugem.
O Campeão da categoria especial Pro/Am foi o surfista Alan Saulo, que conseguiu sua vitória numa final digna de profissionais. Alan, que já havia batido na trave nas outras etapas, desta vez não deu chances aos adversários e foi pra cima para conquistar sua vitória. Alan achou duas boas ondas e venceu somando 12,50 pontos, contra 11,65 pontos do surfista local Pedro Mendes que acabou na segunda colocação. Completaram o pódio na terceira colocação o surfista Victor Borges, e na quarta colocação o surfista José Inácio Gudesen.
Na categoria Petiz, para atletas de até 10 anos de idade, o pequeno surfista de Balneário Camboriú, Takeshi Yoama, de 9 anos de idade, venceu mais uma etapa e segue firme na liderança da categoria no ranking catarinense da Fecasurf 2016.

Um grupo de 12 atletas argentinos, entre meninas e meninos, esteve competindo nesta quarta etapa do circuito em busca de novas experiências e competitividade, e as argentinas mostraram que estão com o surfe no pé dominando as categorias duas femininas. A campeã da categoria Feminino Open foi a surfista argentina Lucia Cosolleto, nome de peso no surfe feminino de seu país de origem, e na categoria Feminino Junior, a surfista Catalina Mercere fez a melhor apresentação na final e garantiu a vitória na quarta etapa Circuito Surf Talentos Oceano 2016.
O Circuito Surf Talentos Oceano 2016 distribuiu 1000 pontos para cada categoria no Ranking Catarinense Oficial da Fecasurf 2016.

Os recordes da competição foram cravados pelos atletas, Wallace Vasco, campeão das categorias Mirim e Iniciantes, que marcou 9,75 pontos na maior nota do evento, e Lucas Vicente, que também fez uma bela apresentação e marcou a maior somatória do campeonato, com 17,25 pontos nas suas duas melhores ondas da segunda bateria do primeiro round da categoria Junior.
O Circuito Surf Talentos Oceano 2016 tem o patrocínio oficial da Oceano e é apresentando pela Mini Kalzone. O Circuito conta ainda com os patrocínios da Dalila Têxtil, Dragon e Cia Wax, o copatrocínio da Prefeitura Municipal de Garopaba e da Fesporte, o apoio da Pousada Merco Surf, Pipes Surf Bar, Ygaropaba, Esfiharia Rizzo, Hamburgueria Pico Santo, com a divulgação do Site Waves, Jornal Drop, De Olho no Mar e Revista Solto, sob a direção técnica da Fecasurf juntamente com a ASG – Associação de Surf de Garopaba e ASF – Associação de Surf da Ferrugem

RESULTADOS – 4a etapa – Garopaba

PRO/AM
1º – Alan Saulo
2º – Pedro Mendes
3º – Victor Borges
4º – José Inácio Gudesen

JUNIOR
1º – Lucas Vicente
2º – Guilherme Marques
3º – Leonardo Mendes
4º – Ryan Cordeiro

MIRIM
1º – Wallace Vasco
2º – Lucas Vicente
3º – Guilherme Marques
4º – Gustavo Borges

INICIANTES
1º – Wallace Vasco
2º – Luiz Mendes
3º – Léo Casal
4º – Patrick Plachi

INFANTIL
1º – Léo Casal
2º – Noah Machado
3º – Inácio Ruggiero
4º – Gustavo Ramalho

PETIZ
1º – Takeshi Oyama
2º – Anuar Chiad
3º – Antônio Vitorino
4º – Francisco Cosoletto

FEMININO OPEN
1º – Lucia Cosoletto
2º – Josefine Anne
3º – Andressa Carvalho
4º – Adril Solis

FEMININO JUNIOR
1º – Catalina Mercere
2º – Josefine Anne
3º – Lanai Henrique
4º – Adril Solis

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*

18 − 11 =