Caio Costa e Sophia Medina são os campeões

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Sophia Medina Foto Pedro Monteiro

Mirim Foto Pedro Monteiro

Mirim Foto Pedro Monteiro

Iniciante Foto Pedro Monteiro

Iniciante Foto Pedro Monteiro

Grom Foto Pedro Monteiro

Grom Foto Pedro Monteiro

Podio Feminino Foto Pedro Monteiro

Podio Feminino Foto Pedro Monteiro

Foto Pedro Monteiro

Foto Pedro Monteiro

Foto Pedro Monteiro

Foto Pedro Monteiro

Campeões Foto Pedro Monteiro

Campeões Foto Pedro Monteiro

Campeões Foto Pedro Monteiro

Campeões Foto Pedro Monteiro

Caio Costa Foto Pedro Monteiro

Caio Costa Foto Pedro Monteiro

 

 

OS 2 ATLETAS DO INSTITUTO GABRIEL MEDINA REPRESENTARÃO O BRASIL NA FINAL INTERNACIONAL DO EVENTO NO PRÓXIMO ANO

 

Os títulos do Rip Curl Grom Search 2019 ficaram em Maresias. Caio Costa foi o campeão mirim e Sophia Medina a bicampeã feminina do Circuito, que teve a 2ª e decisiva etapa do Circuito, na Praia da Barra, no Rio de Janeiro, neste domingo (24). Os dois atletas do Instituto Gabriel Medina representarão o Brasil na final internacional do evento, em 2020, em algum lugar do Mundo, com as viagens oferecidas pela Welcome Surftrips, como prêmio principal.

Além das duas categorias sub16, o evento decidiu – no sábado – os campeões da grommet (limite de 12 anos), com o paranaense Lukas Camargo, e da iniciante (no máximo 14 anos), com o potiguar Samuel Joquinha. O cenário para as decisões foi perfeito, com praia cheia, sol, água cristalina e ondas de mais de meio metro.

Na feminina, as três primeiras do ranking chegaram na final e Sophia ergueu a nova taça, vencendo a etapa. Isabela Saldanha, sua companheira de Instituto foi a segunda, enquanto que a paulista radicada em SC, Pamella Mel, que havia vencido a etapa inicial, ficou em terceiro. No ranking, a irmã caçula de Gabriel Medina, foi a primeira, com 1.900 pontos, 90 a mais que Pamella. Na final da etapa, Sophia marcou 8,25, superando Isabela, com 7,65, Pamella, com 7,00 e a catarinense Rafaela Coelho, com 5,75.

 “Estou muito feliz. Foi muito difícil, porque fiquei em segundo na outra etapa e sabia que nada é impossível. Eu acreditei nessa vitória, me esforcei muito para estar aqui. Treinei muito. Fiquei com mais vontade de ganhar, mais garra. Graças a Deus consegui. Deus parou as ondas, eu creio nisso”, vibrou Sophia que em maio representará o Brasil na final do Rip Curl Grom Search, na Costa Rica.

Na mirim, a disputa foi “caseira”, entre quatro atletas do Instituto Gabriel Medina, mas nenhum deles querendo aliviar. Caio e Diego entraram no mar com chances reais de garantir o título, depois que o catarinense Heitor Mueller, vitorioso na etapa inicial, perdeu na semifinal. A disputa foi acirrada, com várias trocas de posições, mas no final Didi levou a melhor, com o maior placar de todo o evento, somando 16,65 pontos.

Caio garantiu o segundo lugar, com 13,90, seguido de Rodrigo Saldanha, com 12,75, e Sunny Pires, com 10,75. No ranking, o campeão terminou com 1.656 pontos, com Heitor e Diego logo atrás, com 1.531. “Vim para cá querendo apresentar o meu surf. Sabia que ia ser difícil, mas deu tudo certo, fiquei em segundo lugar e campeão do ranking. Ano que vem tem a final internacional e vai dar tudo certo”, comemorou Caveirinha, como é conhecido.

Didi, apesar de não chegar ao título, festejou a vitória no Rio de Janeiro, em sua despedida da categoria mirim. “Nunca tinha surfado aqui na Barra. Estou amarradão, uma onda que me adaptei muito bom”, falou o vencedor da etapa, falando da final. “Foi eletrizante, uma bateria bem sinistra e estou feliz de levar a melhor. É meu último ano de mirim e nada melhor do que ter essa grande vitória”, falou Diego.

O evento, que comemorou 20 anos do Circuito no Brasil, também contou com várias atividades na areia, confirmando o slogan ‘Muito mais do que um campeonato de surf’. Entre as atrações, a área vip WQSurf para os competidores, com mesa de frutas, o recolhimento de microlixo na areia, massagem, brincadeiras como ping pong e cama elástica, além da distribuição de pipas e mudas nativas.

O Rip Curl Grom Search 2019 foi uma realização da Rip Curl e tem os patrocínios de GoPro, Welcome Surftrips,  Surfview e Lojas WQSurf, com apoios de Jandaia, FuWax, Vult Cosmética, Prefeitura de Garopaba, Fecasurf e Feserj, com assessoria de imprensa da FMA Notícias e organização da Swell Promoção e Produção de Eventos.

RANKING FINAL 2019

CATEGORIA MIRIM (SUB16)

1 Caio Costa -SP – 1.556

2 Heitor Mueller – SC – 1.531

2 Diego Aguiar – SP – 1.531

4 Kainan Meira – PR – 1.260

CATEGORIA FEMININA (SUB16)

1 Sophia Medina – SP – 1.900

2 Pamella Mel – SC – 1.810

3 Isabela Saldanha – SP – 1.710

4 Sophia Gonçalves – SP – 1.385

CATEGORIA INICIANTE (SUB14)

1 Samuel Joquinha – RN – 1.800

2 Lucas Cainan – PR – 1.466

3 Sunny Pires – RJ (SP) – 1.430

4 Murillo Coura – SP – 1.385

CATEGORIA GROMMET (SUB12)

1 Lukas Camargo – PR – 1.900

2 Murillo Coura – SP – 1.729

3 Guilherme Lemos – RJ – 1.466

3 Gabriel Ogasahara – SC – 1.466

RESULTADOS DA 2ª ETAPA

CATEGORIA MIRIM (SUB16)

1 Diego Aguiar – SP

2 Caio Costa – SP

3 Rodrigo Saldanha – SP

4 Sunny Pires – RJ (SP)

CATEGORIA FEMININA (SUB16)

1 Sophia Medina – SP

2 Isabela Saldanha – SP

3 Pamella Mel – SC

4 Rafaela Coelho – SC

CATEGORIA INICIANTE (SUB14)

1 Ryan Kainalo – SP

2 Samuel Joquinha – RN

3 Noah Machado – SC

4 Guilherme Fernandes – SP

CATEGORIA GROMMET (SUB12)

1 Murillo Coura – SP

2 Lukas Camargo – PR

3 Guilherme Lemos – RJ

4 Ryan Coelho – PR (SP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*

5 × três =